0
0
0
s2sdefault
18.05.2021

Prefeitura entrega Terminal da Barroquinha completamente requalificado

Foto: Igor Santos | Secom

Um dos pontos mais importantes da região do Centro Histórico, o Terminal da Barroquinha, situado no final da Avenida José Joaquim Seabra, no Largo da Barroquinha, está de cara nova. Promovidas pela Prefeitura, as obras de requalificação urbanística e de mobilidade do local foram entregues nesta segunda-feira (17), em cerimônia simbólica com as presenças do prefeito Bruno Reis e da vice, Ana Paula Matos, além de gestores das pastas ligadas à intervenção.

Com investimento de cerca de R$6 milhões em uma área de quase 10 mil m², as obras duraram oito meses e trouxeram melhorias significativas na mobilidade de pedestres e ônibus que circulam diariamente na região, além de promover maior interação da população com o espaço público, por meio de elementos paisagísticos e equipamentos de esporte e lazer. O projeto foi elaborado pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF), em conjunto com a comunidade, e envolveu também as secretarias de Mobilidade (Semob) e de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), através da Superintendência de Obras Públicas (Sucop).

O prefeito ressaltou que esta é mais uma obra realizada pela administração municipal nos últimos anos, a exemplo das ocorridas recentemente no Mercado de São Miguel e Rua Cônego Pereira, no esforço de requalificar a região do Centro Histórico. Ele ainda ressaltou que, no dia em que completa 44 anos, quem ganhou o presente foi a cidade.

“No Ouvindo Nosso Bairro, por exemplo, uma das questões mais apontadas pelos moradores é a de que não havia aqui um lugar para desenvolver atividades esportivas. Também melhoramos a mobilidade para as dez linhas atendidas pelo terminal”, disse Bruno Reis.

Na ocasião, também foi feita a entrega simbólica dos boxes e quiosques da região aos permissionários, em processo conduzido pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop). “Aqui também, como em outras obras da Prefeitura, também nos preocupamos com a questão econômica, então instalamos boxes e quiosques para ajudar as pessoas na geração de emprego e renda”, completou o prefeito.

Melhorias – A iniciativa compreendeu desde a redistribuição dos abrigos de ônibus, otimizando a área do terminal e das vias de circulação de veículos, até a proposição de intervenções arquitetônicas que reconfiguraram a paisagem urbana do local. Tudo obedecendo a critérios de humanização da área, com a implantação de paisagismo, áreas abertas, segurança viária, acessibilidade universal, conforto para os usuários do sistema de transporte, mobiliário urbano, novos abrigos, lixeiras, além do ordenamento do comércio informal.

A obra também introduziu rampas acessíveis às travessas que ligam o Largo da Barroquinha à Rua do Paraíso e remodelação das pistas de rolamento. O canteiro central foi dotado de paisagismo, ganhando gramado, mudas de árvores e plantas ornamentais. Também foram implantados travessia com faixa exclusiva para pedestres, área reservada para estacionamento de ônibus e microônibus, além de iluminação especial em LED

Há, ainda, pontos de embarque e desembarque com 14 módulos de abrigos de ônibus que têm sistema modular em estrutura metálica, vidro liso laminado incolor e bancos sem encosto. As obras ainda contemplaram implantação de 16 boxes para ambulantes, instalações administrativas da Secretaria de Mobilidade (Semob), sanitários públicos, pontos de vendas para ambulantes com capacidade para sete estandes e lanchonete, além de estacionamento rotativo para veículos.

Recreação – Buscando atender à demanda dos moradores das localidades do entorno que carecem de áreas verdes e de opções que propõem recreação ao ar livre, o novo Terminal da Barroquinha possui uma praça de lazer e esportes com quadra poliesportiva e área multiuso pavimentada com demarcação de roda de capoeira, academia de ginástica, equipamentos lúdicos para crianças e paraciclo descoberto.

Foi implantando um terraço sobre contenção existente, com acesso por escadarias ou pelas arquibancadas. Também há espaço reservado para com quiosque para duas baianas. Uma das permissionárias, a baiana de acarajé Laís Brandão, de 29 anos, era só felicidade e encantamento com o Terminal da Barroquinha requalificado.

“Espero que volte o movimento, pois ficou muito lindo o terminal. Está muito diferente do que eu via há quatro anos. Hoje está maravilhoso, tem muita natureza, área e campo para as crianças que queriam tanto um espaço como esse, só tenho a agradecer”, afirmou.

Já o ambulante Denilson Silva, 57 anos, que trabalha e mora na área do Centro Histórico, também destacou a transformação. “Aqui faltava iluminação, segurança, era um local subaproveitado que sofria deterioração, com patrimônio antigo, defasado, as pessoas tinham até medo de passar por aqui. Toda a reforma é bem válida e agora está tudo muito bonito, tudo feito pensando em todo o segmento que atua aqui”, avaliou.

0
0
0
s2sdefault