0
0
0
s2sdefault

Desde que assumiu o mandato da Prefeitura de Salvador, ACM Neto pediu atenção imediata à comunidade de Guerreira Zeferina, localizada em Periperi, subúrbio ferroviário da capital. Em situação quase nula de dignidade, os moradores viviam em barracos de madeira e plástico, daí a origem do nome “Cidade de Plástico” que a comunidade carregava.

Considerado o maior projeto social desta gestão, a urbanização da localidade foi executada pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), através da Superintendência de Obras Públicas (Sucop). A nova comunidade proporcionou melhores condições não só para as 257 famílias que hoje ali residem, como em outros âmbitos sociais.

O projeto composto por duas etapas promoveu a entrega de 125 unidades habitacionais na primeira etapa, além de campo de futebol, boxes comerciais, miniquadra, calçadão de acesso à praia, espaço de convivência e lazer, decker e estacionamento. A Escola Municipal Guerreira Zeferina também foi entregue na primeira fase.

Já na segunda e última fase, a região foi contemplada com um centro comunitário, parque infantil, academia de saúde, novo espaço de convivência e lazer e mais 132 residências.

0
0
0
s2sdefault